Argentina Aprova Aborto

0

A Argentina acaba de aprovar, legalizar, o aborto.


As ruas argentinas se encheram de mulheres com lenços, camisetas e máscaras verdes acompanhando a votação do Senado na madrugada dessa quarta-feira dia 30 de dezembro de 2020.

No mundo já são 76 países que permitem a interrupção da gravidez de acordo com a vontade da mulher. Na América Latina, além da Argentina, os países onde o aborto é legalizado são: Uruguai, Guiana, Guiana Francesa, Cuba e Porto Rico.

No entanto, cada país tem suas próprias regras. No caso dos nossos hermanos as regras aprovadas são:

– A interrupção legal da gestação pode acontecer até as 14 primeiras semanas de gestação.

– Mulheres menores de 16 anos precisam da autorização dos pais.

– Médicos podem se recusar a fazer o procedimento, mas a instituição em que trabalham precisará oferecer outro profissional qualificado.

-O procedimento deverá ser feito em rede pública até 10 dias após ser solicitado.


Com a medida o governo argentino prevê, entre outras coisas, terminar com os abortos clandestinos que colocam em risco a vida da mulher. A nova lei também aprovou um “Plano de 100 Dias” de acompanhamento para as mulheres que desejam ter o bebê mas que não possuem condições financeiras.
No Brasil o aborto só é permitido em casos de estupro, risco para a vida da mãe ou bebês anacefálicos.


* Esse post não é um julgamento de “certo ou errado” “bom ou ruim”. Embora eu tenha um posicionamento a respeito do assunto, estou aqui informando uma notícia que diz respeito ao universo materno.

Passou por um aborto espontâneo? Veja esse post

Para receber informações atualizadas sobre maternidade siga esse instagram!

Compartilhe.